Centro cirúrgico de última geração atenderá população de São Francisco de Itabapoana (RJ)

Centro cirúrgico de última geração é totalmente remodelado e poderá atender cirurgias de hérnias, que é uma das principais demandas atualmente, e que serão os primeiros procedimentos a serem realizados, afirma prefeita da cidade, Francimara Barbosa Lemos

Acaba de ser inaugurado no município de São Francisco de Itabapoana (RJ) um centro cirúrgico de última geração, que fica dentro do Hospital Municipal Manoel Carola. Sendo assim, agora a população local terá acesso a um atendimento com equipamentos de ponta. É o que afirmou a prefeita da cidade, Francimara Barbosa Lemos. Ela disse ainda que a prioridade de atendimento será para as cirurgias de hérnias. Esta é uma das principais demandas atuais do hospital. Portanto, serão as primeiras a serem realizadas.

Depois de ter passado por remodelação e recebido equipamentos de última geração, o centro cirúrgico do Hospital Municipal Manoel Carola, em São Francisco de Itabapoana (RJ), já voltou a funcionar. A reabertura aconteceu no final da semana. Segundo a prefeita Francimara Barbosa Lemos, cirurgias de hérnias, uma das principais demandas atualmente, serão os primeiros procedimentos a serem realizados.

Cirurgias de hérnias como prioridade

Além disso, vale ressaltar que poder realizar essas cirurgias de hérnias em um momento em que o SUS registrou queda de 52% neste tipo de procedimento no estado de Santa Catarina, por exemplo, é uma vitória para o hospital que fica na região turística de Costa Doce, no Rio.

Evolução da área do centro cirúrgico de última geração

Contudo, a prefeita disse ainda que ocorreram muitos avanços neste hospital. Ela recordou também que “quando assumimos a administração, não havia nem rampa de acessibilidade para o piso superior; os anos se passaram e quanta evolução, crescimento e progresso temos registrado”.

Por outro lado, Francimara admite que o centro hospitalar precisa avançar mais. Porém, adianta que irá em busca de recursos junto ao Ministério da Saúde para equipar a maternidade.

Já o vice-prefeito, Raliston Souza, fala sobre a reabertura da unidade: “é um sonho da população e evidencia o zelo e comprometimento da prefeita”.

Ele disse também:

“A gente não faz somente o que promete; paralelo a isso, vamos além, por meio do potencial e capacidade de gestão de Francimara e toda equipe.”

Cirurgias gerais

Além das cirurgias de hérnias mencionadas acima, o secretário municipal de Saúde, Sebastião Campista, afirma que neste primeiro momento serão realizadas também cirurgias gerais e vinculadas ao planejamento familiar (esterilização masculina e feminina). E esclareceu que a inauguração foi adiada por conta da pandemia de covid-19.

“Até o final do ano, vamos iniciar as cirurgias de emergências, como apendicite; é preciso dar um passo de cada vez; desta forma, vamos realizar também o sonho da maternidade.”

Por fim, o vereador Fauazi Cherene, que representou a Câmara Municipal se disse emocionado ao constatar os avanços registrados no hospital.

*Foto: Reprodução