comissão do concurso mp ap é formada para carreira de promotor
Concursos Públicos

Comissão do concurso MP AP é formada para carreira de promotor

O novo concurso MP AP (Ministério Público do Amapá) acaba de constituir a comissão organizadora para a carreira de promotor

O novo concurso MP AP (Ministério Público do Estado do Amapá) continua em fase de preparação. Na segunda-feira (6), foi publicado no diário oficial, por meio da portaria 484/2020, a formação da comissão organizadora para o cargo de promotor.

O documento estipula um prazo de 60 dias para a elaboração de um relatório das atividades realizadas pelo grupo. No total, o certame vai oferecer 31 vagas, para três cargos, sendo que seis deles serão para técnico ministerial na área administrativa. Para esta oportunidade é exigido apenas ensino médio. Já para as carreiras de analista ministerial na área de direito (10 vagas) e promotor substituto (15), os candidatos devem possuir diploma de curso superior na área de direito.

Para a função de promotor é preciso ter três anos de prática jurídica e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Os salários iniciais são de R$ 4.236,37 para técnicos, R$ 5.766,21 para analistas e R$ 20.677,84 para promotores. Já a publicação do edital está prevista para acontecer ainda neste semestre.

Comissão organizadora do concurso MP AP

Com a constituição da comissão organizadora para a carreira de promotor do novo concurso MP AP, a expectativa é de que nos próximos dias sejam formados os grupos responsáveis pelas seleções de técnico e analista. Mesmo assim, o processo já está analisando propostas para definir a banca organizadora do certame, especialista na realização de concursos públicos. Duas empresas estão na disputa. São elas: Fundação Carlos Chegas e Cebraspe (que é a mais cotada).

Conheça os integrantes da comissão para promotor

A comissão organizadora para promotor será presidida pela procuradora-geral de justiça do estado, Ivana Lúcia Franco Cei, e seu suplente será o procurador de justiça Jair José de Gouvea Quintas. Além deles, também integram a equipe os procuradores Nicolau Eládio Bassalo Crispino e Estela Maria Pinheiro do Nascimento Sá, e seus suplentes serão Maricélia Campelo de Assunção e Joel Sousa das Chagas. Já os promotores Ricardo José Ferreira e Vinicíus Mendonça Carvalho terão como suplentes Alcino Oliveira de Moraes e Jorge Luis Canezin. Como representante da OAB-AP, a comissão contará com a advogada Virgínia Rufino Borges Agra, e seu suplente será Mauro Dias da Silva Júnior.

Como foi a última seleção

O último concurso MP AP para técnicos e analistas aconteceu em 2012. À época, foram ofertadas 40 vagas, sendo 10 para o cargo de nível médio e 30 analistas. A banca organizadora foi a Fundação Carlos Chagas.

A prova objetiva para o cargo de técnico foi composta por 50 questões: 20 de conhecimentos gerais, com peso 1, e 30 de conhecimentos específicos, com peso 2. No primeiro quesito foram abordados temas sobre língua portuguesa, matemática e raciocínio lógico.

As vagas de técnico foram destinadas às áreas de motorista, informática e auxiliar administrativo. Já as de analistas foram para administração, arquitetura, biblioteconomia, ciências contábeis, direito, economia, engenharia civil, psicologia,  serviço social e tecnologia da informação. 

A prova para analistas foi constituída por 60 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais, com peso 1, e 40 de conhecimentos específicos, com peso 3. O exame de conhecimentos gerais versou sobre as matérias de língua portuguesa e legislação vinculada ao MP AP.

Também ocorrido em 2012, o concurso para o cargo de promotor teve oferta de 10 vagas. A banca foi a mesma, e a aplicação do exame contou com duas provas dissertativas, avaliação oral, prova de tribuna e análise de títulos. E a parte objetiva contou com 100 perguntas: 10 de direito constitucional e direito tributário, 10 de direito administrativo, 10 de direito penal, 10 de direito processual penal, 10 de direito civil, 10 de direito processual civil, 6 de direito eleitoral, 8 de direito da criança e do adolescente, 8 de direito ambiental, 8 de legislação do Ministério Público  e 10 de língua portuguesa.

Fonte: JC Concursos

*Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Edital do concurso TCM SP está em ajustes finais

Município Assessoria

Prefeitura Santana do Paraíso oferece 80 vagas temporárias

Município Assessoria

Concurso Prefeitura de Teresina aplicará provas em nova data

Município Assessoria

Concurso TJSP conta com novo edital para ensino médio

Município Assessoria

B2W Digital abre 1.000 vagas para unidade de Itapevi

Município Assessoria

Secretaria da Educação SP abre 10 mil vagas para professores

Município Assessoria