miniweddings ditam tendência na cidade maravilhosa
Economia

Miniweddings ditam tendência na cidade maravilhosa

Uma opção que já não é tão desconhecida do grande público, os miniweddings se tornaram tendência em restaurantes da cidade do Rio de Janeiro e região.

Esta escolha serve tanto para quem quer realizar uma cerimônia mais intimista com poucos convidados, quanto para quem realmente deseja economizar. Este é o caso da engenheira Thais e do economista Reginaldo Carvalho. Eles já têm são pais de um garoto de cinco anos e queriam realizar o sono de fazer uma festa de casamento, pois não tiveram uma no passado.

Gastos com os miniweddings

Quando começaram a pesquisar os custos, se assustaram e encontraram na cerimônia mais intimista uma opção para cortar grandes gastos. O único desafio, no entanto, foi conseguir a lista de convidados para no máximo 90 pessoas, conta Thais. O casamento foi realizado no restaurante Nomangue, casa de Jacarepaguá especializada em frutos do mar.

Hoje, os miniweddings são responsáveis por 80% da procura do Nomangue. Um pacote de casamento neste local custa a partir de R$ 5.800, para uma lista de 30 pessoas, com direito bufê, bolo, doces, decoração e cerimônia. Já para quem prefere algo mais sofisticado, com DJ, open bar, doces finos, fotos instantâneas, além de caricaturista para no máximo 150 convidados, o valor sobe para R$ 42 mil. No entanto, o celebrante são os noivos que providenciam.

Além desta casa, outros restaurantes da região também promovem miniweddings, como o espaço Quinta, que foi construído em uma área verde de três mil metros quadrados em Vargem Grande. O primeiro casamento realizado lá foi há 20 anos, quando uma cliente pediu que seu enlace fosse feito no restaurante.

Primeiro miniwedding

A proposta surpresa foi bem aceita pela empresária e dona do Quinta, Fátima Correia Dias, que afirma que naquela época este tipo de cerimônia ainda era novidade. Ela lembrou em entrevista ao jornal O Globo, que os convidados recusavam as pequenas tigelas com comidinhas que os garçons ofereciam, pois acreditavam que ainda seria servido o jantar.  

Para ela, optar pelos miniweddings dá a chance aos noivos de poderem interagir mais com seus convidados e, consequentemente, aproveitam muito mais a festa.

No Quinta, o pacote básico inclui: decoração (mas o cliente também pode terceirizar este serviço); e um bufê com 12 opções de comidinhas, como bruschettas, quiches, queijos modelados, além das famosas tigelinhas em que o cliente pode escolher dentre moquequinhas, escondidinhos, ceviches, massas ou saladas. Para uma cerimônia com duração de seis horas, o serviço custa R$ 168 por pessoa. Porém, as bebidas são à parte e custam a partir de R$ 35 por pessoa. As festas são para no máximo 140 convidados. Além disso, o ambiente é um grande diferencial do local, como reforça a empresária ao O Globo:

“Esta é uma casa construída com material de demolição, bem decorada, com obras de artes, varanda grande, gramado, jardim projetado por paisagista, lago com tartaruga e uma vegetação abundante”.

Outras opções

Outro proposta de Vargem Grande, o Don Paschoal, mistura restaurante com pousada e área de eventos, tudo junto em um sítio. O sucesso foi tanto que chegou a estampar os jornais e sites alguns anos atrás. O motivo também se deve ao fato da atriz global, Carol Castro se casar no local, que esbanja natureza. Foi o chamariz para que mais clientes procurassem o Don Paschoal para realizar este tipo de cerimônia. Foi a partir daí, que os donos resolveram investir neste segmento.

No entanto, a ideia é que isso não atrapalhe o principal negócio da propriedade, que é restaurante, que é bastante conhecido na região por seu cardápio de frutos do mar.

Atualmente, a casa realiza de seis a oito miniweddings por mês, para no máximo 80 convidados. Todas as festas de casamento acontecem em um lounge específico, sobre uma adega subterrânea. São três opções de cerimônia à disposição dos noivos, com preços a partir de R$ 157 por pessoa, já inclusos o bufê com entrada e sobremesa, e bebidas (cerveja e não alcoólicos). Além disso, em todos os casos, é permitido passar a noite no espaço.

Intermediação cartorária

Já o diferencial do restaurante italiano Della Chef, no shopping Barra Garden é que ele possui uma parceria com a empresa DescompliC, especializada em intermediação cartorária.

Sobre isso, uma das sócias da DescompliC, Hebe Adriane, explica:

“A pessoa não vai precisar se preocupar com a documentação. O casal recebe a certidão de casamento na hora, já que o pacote inclui a presença de um juiz de paz”.

O restaurante é comandado por Lucia Gagliasso  e passará a oferecer miniweddings para até 50 pessoas a partir do mês que vem. Os pacotes partem do valor mínimo de R$ 15 mil, com decoração, bufê e doces.

Outro restaurante de shopping que também promove cerimônias de casamento é o Adegão Português, no Rio Design Barra. Os casamentos são realizados em sua varanda.

Miniweddings em quiosque

Já a proposta do Vaibe Beach Lounge, quiosque localizados entre os postos 2 e 3 da Praia da Barra, vai iniciar seus miniweddings a partir de novembro. De acordo com sua proprietária, Adriana Pinto:

“As pessoas saem do Rio para se casar em Búzios, Trancoso. Daremos opção a quem não quer viajar, mas quer se casar na praia. O quiosque fica embaixo de amendoeiras, num espaço reservado. A proposta é fazer do Vaibe um destination wedding”.

Fonte: jornal O Globo

*Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Cartão SOU+ Cidadão é agilidade e economia para os residentes de Diadema

Município Assessoria

Projeto Cidade Inteligente de MG é premiado pela ONU

Município Assessoria

Evento Laranjeiras Sorri promove arte e descontos em lojas do bairro carioca

Município Assessoria

Retomada no Grande ABC: vagas chegam 898, sendo 200 delas no Carrefour

Município Assessoria

Volume de serviços no MS cresce 2,3%

Município Assessoria

Distribuição de botijão de gás: parcerias viabilizam iniciativa

Município Assessoria