Sai edital do concurso DPE SC para cargo de defensor público substituto

Salário do concurso DPE SC (Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina) é de R$ 15,8 mil, destinado a candidatos com nível superior em direito e três anos de atividade jurídica

Saiu o edital do concurso DPE SC (Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina) para o cargo de defensor público substituto. A seleção visa ao provimento de quatro vagas para contratação imediata, além de formação de cadastro reserva (CR) para eventuais oportunidades.

Concurso DPE SC

Os interessados em prestar o concurso DPE SC devem possuir diploma de conclusão de curso de nível superior em direito. Além disso, também é exigido, na data da posse, possuir no mínimo três anos de atividade jurídica. O salário é de R$ 15.820,85, além de auxílio-alimentação e indenização pela utilização de veículo próprio.

Inscrições

Os candidatos têm entre os dias 6 de setembro e 5 de outubro para efetuarem pela internet a inscrição. Assim como os demais concursos públicos, o formulário encontra-se no site da banca organizadora do certame. Neste caso, é a Fundação Carlos Chagas – FCC.

Ao confirmar o cadastro, o candidato deve imprimir o boleto bancário da taxa de participação, no valor de R$ 280, e efetuar o seu pagamento até a data limite do prazo, observado o horário do funcionamento do banco.

Provas – etapas

Todos os inscritos no concurso DPE SC serão avaliados por meio de quatro etapas:

  • uma prova objetiva de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Carlos Chagas;
  • duas provas discursivas especializadas, de caráter eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade da Comissão Organizadora do Concurso, ficando a Fundação Carlos Chagas responsável pela aplicação e logística desta prova;
  • uma prova oral, de caráter eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade da Comissão Organizadora do Concurso, ficando a Fundação Carlos Chagas responsável pela aplicação e logística desta prova;
  • avaliação de títulos, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Comissão Organizadora do Concurso, ficando a Fundação Carlos Chagas responsável pelo processamento do resultado desta avaliação.

Prova objetiva

Vale ressaltar que a prova objetiva será constituída por 100 questões, que versarão sobre as seguintes disciplinas: direito constitucional, direitos humanos, direito administrativo e direito tributário, direito da execução penal, direito da criança e do adolescente, direito civil e direito empresarial direito processual civil, direito do consumidor e direitos difusos e coletivos, direito penal, direito processual penal, princípios e atribuições institucionais da defensoria pública do estado e sociologia jurídica e filosofia jurídica.

Duração

Por fim, a duração da prova será de cinco horas, sendo aplicada na cidade de Florianópolis (SC) no dia 7 de novembro de 2021. Os locais do exame e horários serão comunicados em momento oportuno.

*Foto: Divulgação/Google Maps