SuperaRJ inicia ajuda financeira a mais de 42 mil famílias do Rio

Ajuda do SuperaRJ será repassada as famílias nas quadras das escolas de samba do estado

No próximo sábado (5), após dois meses de atraso, o Governo do Estado do Rio de Janeiro iniciará o pagamento da primeira parcela do SuperaRJ. Ao todo, o cotidiano de 42.569 famílias será alterado a partir do benefício. Com isso, o auxílio emergencial estadual será de R$ 200, com acréscimo de R$ 50 para cada filho, limitado a dois menores.

Ajuda do SuperaRJ

O lançamento do SuperaJá ocorreu na quadra da escola de samba Acadêmicos do Salgueiro, na Tijuca, Zona Norte do Rio. Porém, o calendário com as datas dos próximos pagamentos ainda não foi divulgado. Contudo, o programa pretende beneficiar mais de 355 mil famílias.

Quadras das escolas de samba dos grupos Especial e de Acesso

Segundo o governo estadual, nos primeiros dias, as entregas dos cartões para pessoas beneficiadas da Região Metropolitana serão realizadas nas quadras das escolas de samba dos grupos Especial e de Acesso.

Além disso, nestes locais haverá serviços à disposição da população. isso inclui: emissão de documentos e atendimentos para micro e pequenos empresários.

Já no interior, os cartões começam a ser entregues no dia 8 de junho. A previsão inicial de investimentos é de mais de R$ 86 milhões por mês. A partir do dia 25, o governo começa o pagamento para aproximadamente 315 mil desempregados, com investimento de mais de R$ 77 milhões por mês.

Cadastramento

Para receber o auxílio, os beneficiários devem realizar um cadastro no site oficial da SuperaRJ. Em seguida, a pessoa recebe uma mensagem via celular com as datas e locais para retirada dos cartões. Todavia, o governo lançou um Call Center para que os contemplados possam tirar dúvidas: 0800 071 7474.

De acordo com o governador Cláudio Castro:

“O enfrentamento à pobreza é a principal meta do SuperaRJ. Nós queremos ver a população atendida. É necessário olhar para os pobres, para aqueles que não têm suas necessidades básicas supridas. O isolamento e o desemprego trouxeram essa situação de forma mais crítica e tenho certeza que esse auxílio vai mudar a realidade das pessoas.”

Capacitação dos servidores

Por fim, o Governo do Estado do Rio garante que realiza capacitações para que os servidores atendam aos beneficiários em todos os postos de distribuição espalhados pelas cidades fluminenses.

Estão envolvidas nas classificações as secretarias de Trabalho e Renda, Educação e Desenvolvimento Social, além do Detran e da Faetec. São mais de 2.000 pessoas envolvidas na operação, com o apoio de 810 componentes de escolas de samba.

*Foto: Divulgação/Fabiano Rocha/Agência O Globo