trilha para pessoas com deficiência e idosos, em caraguatatuba
Cotidiano

Trilha para pessoas com deficiência e idosos, em Caraguatatuba

Município do litoral norte de São Paulo implanta trilha e dá um novo sentido às pessoas com deficiência e aos idosos da região da serra do mar

A cidade de Caraguatatuba inaugurou no fim de agosto uma trilha ecológica destinada a pessoas com deficiência (PcD) e idosos, que é a primeira a ser implantada no estado de São Paulo. O trajeto foi batizado de “Trilha das Palmeiras” e integra o Núcleo Caraguatatuba do Parque Estadual da Serra do Mar.

Percurso da trilha de Caraguatatuba

A Trilha das Palmeiras possui um percurso de um quilômetro entre ida e volta, totalizando cerca de uma hora de caminhada. O trajeto leva os visitantes por um trecho de Mata Atlântica que é preservada e que ainda promove atividades de educação ambiental, além de poder contemplar as aves do local. A trilha termina na “Prainha”, com uma piscina natural à disposição que é outro atrativo que o Núcleo do parque oferece.

Antes da inauguração, a trilha foi percorrida por idosos e atletas com deficiência (ACD) da equipe de esportes adaptados da Prefeitura da cidade. Através da implantação do trajeto, Francisco Carlos Oliveira, 58 anos, que sofreu um acidente em 2011, onde teve reduzido seus movimentos, agora conta emocionado ao site Tamoio News como é a sensação de poder fazer uma caminhada desse tipo novamente:

“Foi uma emoção tremenda. Desde o acidente é muito difícil encontrar lugares acessíveis deste jeito. Me dá até um nó na garganta. Vou voltar diversas vezes aqui com minha família. Vai ser divertido”.

Já para a paratleta Débora Ferreira, 47 anos, que possui sequelas, decorrentes de uma lesão medular, chegar ao final da trilha foi como se ela pudesse voltar no tempo.

“Eu passei a minha infância neste rio, vivia aqui. Após a lesão não consegui voltar. É muito emocionante saber que terei a oportunidade novamente. Muito obrigada!”.

Cerimônia de inauguração

A inauguração da “Trilha das Palmeiras” contou com participação de aproximadamente 100 pessoas. Entre os quais, o prefeito do município, Aguilar Junior; secretários municipais, o gestor do Núcleo Caraguatatuba, Miguel Nema; o diretor e o gerente do Litoral Norte da Fundação Florestal, Diego Hernandes e Leandro Oliveira, respectivamente. Além disso, o evento teve a presença de Benedito Nilson Marioto, que integra a Pedreira Massaguaçu, responsável pela construção do projeto por uma compensação ambiental.

Visitação à Trilha das Palmeiras

Miguel Nema explica que para agendar um horário para realizar a trilha, basta acessar o site do Núcleo ou marcar pelo telefone: (12) 3882-5999. Para idosos e PCD, a visitação é gratuita. Além disso, a pessoa pode optar se quer percorrer o trajeto com ou sem monitor.

Sobre a inauguração, ele ainda completou:

“Eu estou muito feliz com a inauguração. Me enche de emoção, fazer parte do projeto. É algo que vai ficar sempre na minha memória. Esta é a única trilha do Estado de São Paulo, onde pessoas em cadeiras de rodas poderão entrar na água da cachoeira com as cadeiras anfíbias”.

O prefeito Aguilar Junior também expressou felicidade pelo município de Caraguatatuba poder contar com mais um ponto de acessibilidade.

“Estou muito feliz com a iniciativa. É sempre bom ter pontos de acessibilidade na cidade, ainda mais uma trilha como está, onde muitos irão aproveitar a fauna e flora da Mata Atlântica. Espero que muitos aproveitem esta trilha. Parabéns a todos”.

Fonte: Site Tamoio News

*Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

1º transplante de fígado bem-sucedido do Brasil: Dr. Sérgio Mies relembra como foi

Município Assessoria

Niterói começa a vacinar maiores de 77 anos

Município Assessoria

Municípios da Bahia voltam a ter casos ativos de coronavírus

Município Assessoria

Técnica inovadora para tratamento de tumores em diversos órgãos humanos chega à Goiás

Município Assessoria

Beneficência Portuguesa santita inaugura nova ala de internação

Município Assessoria

UPAs de Maceió: casos de síndrome gripal aumentam em mais de 240%

Município Assessoria